Páginas

Chat


Get your own Chat Box! Go Large!
Tenham bom senso e responsabilidade com o que está sendo dito, com bom uso e principalmente, tendo em mente que TODOS deverão ser respeitados em suas diferenças, inclusive de opinião. Assim, nenhum usuário precisará ser bloqueado. O conteúdo da conversa, deve ser relacionado aos temas do blog.
É proibido o uso de nicks com nomes de Entidades, Cargos do Tipo Pai, Mãe, Ogan etc. ou Orixás, ou nicks considerados como insultuosos ou ofensivos.
É proibido insultar ou ofender qualquer utilizador deste chat. Respeite para ser respeitado.
Não informe dados pessoais na sala de chat, tais como E-mail,
Nº de telefone.
Esse tipo de informação deve ser em conversa privada com o membro, pois o Blog não se responsabiliza por quaisquer dano e/ou prejuízo.
Ao menos uma vez por semana, estarei presente e online para quem quiser conversar, compartilhar algo e/ou trocar idéias.

sábado, 31 de dezembro de 2016

Por que pular sete ondas no ano novo?

Existem inúmeros calendários no mundo que consideram o ano novo em datas diferentes. O mais famoso é de origem grego e romana que consideram o ano novo em 1 de janeiro, mês do Deus "Jano" (Deus dos portões, das mudanças e transições).

Neste calendário o primeiro dia entrante do próximo ano é considerado "Ano novo". É um período onde encerramos os ciclos do ano anterior e damos espaço a novos ciclos. representa uma data de corte, de mudança, de virada, de passagem, de renovação, de inovação, por isso é muito comum adotarmos rituais, magias, simpatias e outras técnicas para termos um ano melhor do que nos foi o ano anterior. 

POR QUE PULAMOS SETE ONDAS PARA YEMANJÁ NO ANO NOVO? 

Há vários rituais para se ter um bom ano novo: escolher cores que atraem energias específicas, defumar a casa, usar roupa nova, jejuar, jogar canela na porta de casa, tomar banho de ervas, acender velas, etc.

Um dos rituais mais populares para ter um bom ano novo é pular as "sete ondas" para Yemanjá. Para responder o "porquê" desta questão, temos que analisá-la profundamente.  O número "sete" é um número cabalístico para todas as culturas e religiões (sete mares, sete dias da semana, sete maravilhas do mundo, perdoar 70 x sete pessoas na bíblia, sete pecados capitais, sete cores são do arco-ires, sete notas musicais, sete linhas de Umbanda, sete anos de azar, etc). 

O número sete é praticamente um número de totalidade, de perfeição, de completabilidade. Por isso da escolha do "sete". Ele é universal, cultural, amplamente usado, reconhecido e passado de geração a geração. 

Já o mês de Janeiro é um mês de renovo, vulgo "Ano Novo", mês de Jano, mês em que diversos calendários reconhecem o encerramento e nascimento de ciclos. Já as ondas podemos fazer a analogia de agradar a Yemanjá (Mãe de todos, mãe de todas as cabeças) para termos um ano repleto de paz e sabedoria. 

Esta ideia de que pulamos sete ondas e fazemos "pedidos" deve ser evitada. Nenhuma religião é uma fonte de pedidos ou vai te dar coisas materiais meramente por pular ondas. Este ato é simbólico e ilustra o seu louvor, a sua fé, o seu respeito a esta troca de ciclo.

QUEM NÃO PULAR SETE ONDAS NÃO TEM UM BOM ANO?

Quem não der dízimo não tem um bom ano?
Quem não comer ostea não tem um bom ano?
Se você não tem dinheiro para uma roupa nova terá novamente um mau ano?
Se eu não pular ondas terei um mau ano?

A Umbanda não acredita em um Deus punitivo. Nossa religião é regida por paz e amor. Você pode pular ondas de Yemanjá de qualquer lugar: em pensamento. Deus e os Orixás querem a sua fé e não o seu dinheiro, suas roupas caras ou seu poder financeiro de chegar até uma praia bonita. 

Nossa religião não é uma religião de exclusão. Yemanjá não vai amaldiçoar aquelas famílias em vulnerabilidade social que não tem dinheiro nem para comer, quanto mais para viajar até uma praia para pular sete ondas. Este ritual de "pular sete ondas" também de nada adianta se você não fizer com fé.

Tem pessoas que criticam a Umbanda o ano inteiro e no final do ano querem ir pular sete ondas. Qualquer religião precisa da junção da fé + crença + divino. Se vai ou não pular sete ondas, mentalize um ano positivo e repleto de boas energias que quer no seu novo ciclo. 

 Eduardo de Oxossi

Nenhum comentário:

Postar um comentário