Páginas

quinta-feira, 2 de junho de 2016

Benzimento

O Benzimento é uma prática muito antiga (de todas as que conheço, com certeza esta é a mais antiga) no tratamento de várias doenças, utilizada pelas pessoas desde a Idade Média na Europa. No Brasil, as benzedeiras surgiram a partir do século XVII, ela veio junto com os imigrantes que colonizaram, e, os próprios índios aqui já estabelecidos praticavam seus rituais de cura dentro de um conjunto de orações no seu próprio dialeto.
Benzer significa tornar Bento ou Santo. Trata-se de uma prática baseada na fé, com características de crenças de origem sócio-cultural, praticado em geral, por pessoas de classes populares, como forma de propiciar conforto físico, mental e espiritual às pessoas com problemas dessa natureza.

O Benzimento acontece no conjunto de rezas, na formulação de chás, garrafadas, ungüentos e banhos feito pelas benzedeiras. Benzer é fazer um jogo de palavras com poder de ação no etéreo e no físico. Existem Benzimento para proteção de casas, crianças, animais de estimação, plantas, proteção do corpo e de espírito.
A medicina popular é praticada mais pelas orações das benzedeiras que pelo consumo de produtos, mesmo que naturais. Invocando sempre as três pessoas da ?Santíssima Trindade?, mesmo sem um estudo teológico mais aprofundado, de seus efeitos e importâncias no catolicismo, as benzedeiras são consideradas como pessoas escolhidas: "de graça recebeis, de graça dais".
O prática do benzimento se aprende dentro de uma tradição na qual quem sabe e foi preparado ensina quem precisa, independente de crença ou religião.
Como a atividade confronta com a medicina científica e a prática não é reconhecida, muitas curandeiras e benzedeiras se isolaram temendo represálias por parte das autoridades. No entanto afirmam que são procuradas por médicos, religiosos e pessoas para quem a ciência não conseguiu dar uma resposta para suas enfermidades

Nenhum comentário:

Postar um comentário