Páginas

sexta-feira, 1 de março de 2013

Piercings e Tatuagens alterando o mapa da alma


            Imagine que você viaja pela primeira vez para uma grande cidade, ao entrar nela você se orienta por um mapa da região. Nesse mapa você encontra todas as ruas e avenidas, encontram os melhores caminhos, os atalhos, as pontes, os viadutos, e mesmo não entendendo o conhecendo direito o lugar, você acaba chegando ao destino desejado.
            Agora procure fazer uma analogia com o corpo humano em seus aspectos físicos e energéticos. Seus fluxos energéticos são os canais pelos quais flui a energia vital. Essa energia interpenetra o corpo físico, o abastece e realiza suas propriedades de energizar, vitalizar e ativar as funções vitais do organismo. Toda essa circulação de energia vital ocorre por esses fluxos e condutores naturais que possuímos.
            Agora imagine que esse mapa que você se baseava para chegar à cidade teve um nome de avenida alterado, ou quem sabe a rua "tal" foi rasurada, borrada.
            As tatuagens e os piercings atuam dessa mesma maneira! Rasuram, borram ou alteram o mapa do fluxo da energia sutil que circunda e abastece nossos corpos, por isso na maioria das vezes, podem criar alterações tão significativas que são capazes de gerar desequilíbrio nos aspectos físicos, emocionais, mentais e espirituais do indivíduo. Se aprofundarmos o estudo, veremos que o que ocorre no corpo físico de uma pessoa, reflete nos campos energéticos (aura) e vice-versa.
            Por isso toda alteração de padrão celular, mesmo que superficial ou da pele, altera também o campo de energia do ser, pois estão intimamente ligados, o físico e o energético. Olhando por essa ótica, pode-se dizer que uma tatuagem cria um novo padrão de energia para aura da pessoa, fazendo com que a sua vibração vital mude seu fluxo e altere sua frequência, podendo ser desviada, drenada ou até mesmo acumulada naquele ponto tatuado.
            O fato é que uma tatuagem feita no corpo físico gera também uma tatuagem no campo energético. A energia vital se depara com ela e não sabe bem o que fazer. Exatamente como um rio que o homem por sua exploração e desmatamento vai mudando o seu curso natural.
            É importante lembrar que muitas vezes o homem faz alterações "necessárias" na paisagem natural, pois julga essencial para sua sobrevivência, mesmo assim são alterações da natureza, portanto da naturalidade das coisas, o que gera reações que podem acontecer em curto, médio ou longo prazo... Sendo a alma é imortal, responsável por moldar o corpo físico a cada reencarnação, é nela que reside a essência divina de cada indivíduo, onde existem armazenados os registros de vidas passadas. O esclarecimento dessa questão é importante para compreender que, muitas vezes um problema físico, mental, emocional e até espiritual de hoje, tem origem no passado dessa vida ou de outras vivências passadas já experienciadas pelo indivíduo.
            Cabe falar também dos miasmas, que podem ser doenças, marcas, cicatrizes de nascença, ou até defeitos físicos que tem origem em vidas passadas, que às vezes tornam-se doenças agudas na vivência atual do indivíduo, pois eram cicatrizes da alma... Isso mostra que aquilo que experienciamos fisicamente acaba ficando registrado na aura, ou seja, no espírito.

            E aí? Será que uma pessoa tatuada, em uma existência posterior, a sua alma não virá com um miasma de uma tatuagem feita nessa vida? E que consequências isso poderá gerar? Talvez nenhuma, mas apenas talvez... Todavia, pode ser também que aquele ponto que existiu uma tatuagem no passado seja uma fragilidade do presente... Que fique bem claro, não é toda tatuagem que pode criar um problema ou debilidade! Estudos radiestésicos comprovam essa teoria, todavia sempre vai haver alteração no fluxo natural da energia, isso é conclusivo.
            E quanto aos piercings então? Bom, aí a afirmação fica mais fácil. Perfurações por pontos vitais, e o alojamento de um pedaço de metal, condutor de elétrons, em partes específicas do corpo, (e por moda, normalmente na região dos chacras) os impactos chegam a ser grosseiros, pois atuam como para-raios. Desconfiguram completamente o fluxo energético do ser, alteram as ondas de forma e podem criar efeitos físicos diretos e indiretos, de acordo com a região e o chacra responsável que está sendo afetado.
            Mesmo assim, ainda é um estudo, uma observação e experimentação constatada em casos de consultório, no convívio com alunos e nos debates pela internet, sendo essa apenas a minha visão da questão, visão essa apoiada na teoria que tudo que você altera na natureza das coisas, você sempre criará reações consequentes, e você é responsável por elas, pense bem, deixo aqui apenas a minha percepção e a sugestão que você não faça uma tatuagem ou coloque um piercings apenas por modismo, mas que estude muito bem antes as consequências que eles podem gerar, e analise se você está pronto (a) para assimilá-las.




POR: BRUNO J. GIMENES  -  Palestrante e Professor

Nenhum comentário:

Postar um comentário