Páginas

sábado, 5 de maio de 2012

Evocações


            Todos os espíritos, qualquer que seja o grau em que se encontrem na escala espiritual, podem ser evocados no centro espírita, mas as evocações devem ser criteriosas e devem ser evitadas evocações por motivos fúteis ou pessoais. Mas isso não quer dizer que os espíritos sempre queiram ou possam responder ao nosso chamado. Independentemente da própria vontade ou da permissão, que lhes pode ser recusada por uma potência superior, é possível se achem impedidos de o fazer, por motivos que nem sempre é dado a nós conhecer.
            Entre as causas que podem impedir a manifestação de um espírito, umas lhe são pessoais e outras estranhas.
            Entre as causas pessoais, devem colocar-se as ocupações ou as missões que esteja desempenhando e das quais não pode afastar-se. Há também a sua própria situação.
            E das causas estranhas residem principalmente na natureza do médium, na da pessoa que evoca, no meio em que se faz a evocação, enfim no objetivo que se tem em vista.

Nenhum comentário:

Postar um comentário