Páginas

Chat


Get your own Chat Box! Go Large!
Tenham bom senso e responsabilidade com o que está sendo dito, com bom uso e principalmente, tendo em mente que TODOS deverão ser respeitados em suas diferenças, inclusive de opinião. Assim, nenhum usuário precisará ser bloqueado. O conteúdo da conversa, deve ser relacionado aos temas do blog.
É proibido o uso de nicks com nomes de Entidades, Cargos do Tipo Pai, Mãe, Ogan etc. ou Orixás, ou nicks considerados como insultuosos ou ofensivos.
É proibido insultar ou ofender qualquer utilizador deste chat. Respeite para ser respeitado.
Não informe dados pessoais na sala de chat, tais como E-mail,
Nº de telefone.
Esse tipo de informação deve ser em conversa privada com o membro, pois o Blog não se responsabiliza por quaisquer dano e/ou prejuízo.
Ao menos uma vez por semana, estarei presente e online para quem quiser conversar, compartilhar algo e/ou trocar idéias.

domingo, 8 de janeiro de 2012

Jesus e a vida moderna

O mundo cresce rápido, computadores, softwares e a tecnologia em geral, avançam a taxas inacreditáveis. Paralelamente ao avanço tecnológico, o ser humano vai se desgarrando a cada dia, um pouco mais do caminho que Jesus Cristo gostaria que ele trilhasse.
A busca pelo prazer gratuito e o sexo sem compromisso, cresce exponencialmente num mundo de seres vazios e sem alma. Esquecem-se de que o mais sublime no sexo e na convivência de duas almas é o amor. O sentimento que faz com que nos aproximemos de Deus.
A ambição por produtos e serviços de luxo, carros importados e aparelhos eletrônicos caríssimos e, cada vez mais, sofisticados; deu lugar a busca serena pelo divino e trouxe ao homem o exacerbado desejo pela posse.
É lógico que o fruto do seu trabalho deve ser aproveitado. |você batalhou e tem direito a um carro bom, uma boa casa, uma viagem, um som novo aquele mp3 player de última geração, etc… Contudo, parte do que você ganhou, deve ser compartilhada com o próximo que teve menos oportunidades na vida. Não digo que deva “sair por aí” distribuindo dinheiro. Mas escolha uma obra de caridade de sua preferência e confiança e contribua para suas ações. Não quer contribuir com dinheiro? Tudo bem dê um pouco do seu tempo. Ensine uma criança carente a ler; faça visitas em hospitais, orfanatos e asilos; contribua na luta contra a discriminação das minorias ou, simplesmente, faça alguém que você não conhece sorrir.
Vocês conhecem a lenda do quarto rei mago? Ele vinha acompanhar os outros três para presentear o Messias. Trazia pedras preciosas maravilhosas e de altíssimo valor. As daria ao Rei dos Reis; que nasceria na cidade de Belém. Mas, se perdeu de seus companheiros, pois teve que ajudar uma escrava que era perseguida. Depois, deixou de encontrar a Santa Família por pouco; pois teve que parar para esconder uma mãe e seu bebê, subornando um soldado de Herodes para que poupasse a criança. Pouco depois, já no Egito, perdeu-se dos pais de Cristo por alguns meses, porque parara para salvar um homem ferido.
Assim, por diversos contratempos e ao longo de muitos anos, ele vagou procurando Jesus Cristo para entregar-lhe a única pedra que sobrara. Até que muito velho e doente, soube que o Messias estava sendo crucificado em Jerusalém. Chegou à cidade, já muito doente e quase a morte, e esperava com a última e mais magnífica gema; subornar um soldado romano para que liberasse Jesus da cruz.
Mas, uma velha mulher, estava sendo espancada até a morte por romanos e ele, compadecido de seu sofrimento, usou a pedra para salvar a pobre mulher. Apenas chegou perto de Jesus, quando este dizia suas últimas palavras na cruz e morria.
Enfraquecido e dizimado pela longa jornada no deserto, ele chorou e lamentou-se dizendo que se tivesse chegado antes, poderia ter salvado o Messias. A emoção foi demais para seu coração fraco e, num colapso final, ele próprio agonizava. Antes de sua morte, Jesus apareceu envolto numa luz fortíssima e estendeu seus braços para o moribundo. Maravilhado, ele descreveu a visão magnífica para seu velho servo fiel. E, com a voz embargada pediu perdão a Cristo por ter falhado em sua missão. Ao que Cristo sorriu e disse-lhe: “A cada ser humano que ajudastes, ajudastes a mim. A cada presente que destes, ao longo de sua jornada; a mim presenteastes”. Certo de que cumprira sua missão, ele foi ao encontro do paraíso.
Essa deve ser a verdadeira missão do Cristão. Repartir o bem que Jesus Cristo e Deus, nosso Pai fizeram jorrar em nossas vidas.
Que Deus abençoe a todos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário