Páginas

terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Conhecendo Oxalá em 20 ítens


1. Na África é cultuado como Obatalá;
2. Filho de Olodumaré recebeu no sincretismo a ligação com Jesus Cristo;
3.No entanto, Oxalá já era antes que Jesus o fosse;
4. Divindade mais importante do panteão africano, Orixalá que significa “Orixá dos Orixás”, teve, com o tempo, seu nome contraído para Oxalá;
5. Associado à criação do mundo e de toda a espécie humana;
6. Não tem mais poderes que qualquer outro Orixá, mas é respeitado por todos os Orixás e nações como o chefe de família, o grande patriarca;
7. Pai de todos os Orixás, com exceção de Logun-Edé e Iemanjá;
8. A cor branca lhe é instituída por ser a soma de todas as cores, reafirmando o respeito por sua ancestralidade;
9. Oxalá tudo sabe, pois na sua antiguidade, por tudo já passou;
10. É o Orixá irradiador da fé em sentido universal;
11. Comidas de Oxalá não devem levar dendê ou sal;
12. A imagem de Oxalá deve ser mantida em local de destaque no congá de qualquer casa de Umbanda;
13. Na Umbanda não existem coroações de Oxalá. Ele é o pai de todas as coroas;
14. É o mesmo Orixá, seja na Umbanda ou no Candomblé, pois sua essência é a mesma;
15. No Candomblé se divide em dois: Oxaguiã (o moço) e Oxalufã (o velho);
16. Calmo, sereno e pacificador é o principio gerador em potencial;
17. Atua em todos os elementos e vibrações por intermédio dos Orixás;
18. Afasta-se de Oxalá o médium tomado pelo materialismo exacerbado;
19. Dia da semana: sexta-feira
20. Saudação: Epa Babá Oxalá!

Nenhum comentário:

Postar um comentário